Segunda, 28 Janeiro 2013 11:08

Pontalina


Apresentação 


Este trabalho foi constituído num somatório de responsabilidade das pessoas relatadas no final deste, juntamente com o Poder Público e a Sociedade Organizada, e foi elaborado a partir das demandas dos segmentos organizados e sintetizado em projetos específicos de acordo com o Desenvolvimento do Município e Região para a criação do Território Rural Sul.

Independentemente dos membros citados na elaboração deste, a essência do mesmo é buscar a integração com a comunidade e suas organizações sociais e o poder público, visando a equacionar os problemas que afetam o desenvolvimento sustentável do município.

Para que o progresso seja atingido sem sombra de duvidas, a integração desses membros é fundamental, e a consciência de que unidos seremos mais fortes na busca do desenvolvimento sustentável do município, ou seja, do Território Rural Sul, com certeza a colheita será abundante. 

 

HISTÓRIA DO MUNICÍPIO DE PONTALINA-GO

 

Origem do Nome e Emancipação Política

As primeiras penetrações em território pontalinense deram-se, por aventureiros oriundos da Capitania de Minas Gerais, no inicio do século XIX. As causas que deram origem ao município e que exerceram grande influência nas migrações, devem-se a fatores econômicos, apoiados e favorecidos pelo espirito bandeirantista dos nossos antepassados.

Esse primeiro devassamento ocorreu na região, próxima á atual sede municipal, onde surgiram as fazendas: São Lourenço, Paraíso, São João e São Bento e os respectivos proprietários Justiniano José Machado, João Xavier Ferro, Francisco Dutra Pereira, Antônio Soares de Souza e Justo José de Magalhães, os pioneiros  da localidade, no período de 1826 a 1841. É de crer-se que essas populações imigradas eram tradicionalmente agrícolas, pois não há vestígios de atividades em mineração.

Em 03 de maio de 1841, registrou-se a doação de 200 alqueires goianos de terras á Igreja Santa Rita de Cássia, para a formação do patrimônio, procedendo-se á demarcação dos lotes urbanos e construindo-se uma modesta capela e a casa do vigário. O Povoado ou arraial nascente recebeu a denominação de Santa Rita do Pontal, em homenagem á padroeira local e á região de Pontal.

As principais correntes de povoamento do município foram e ainda são nacionais, sendo primitivamente habitadas por aventureiros e predominantemente por lavradores, classes rurais, com vistas á agricultura e criação de gado.

O avanço econômico, sobretudo no setor de agropecuária, motivou a elevação do povoado a Vila, pela Resolução Provincial n° 543, de 29 de Julho de 1875, instalação não efetivada, até então.

A Resolução Provincial de n° 543 de 29 de Julho de 1875, criou-se a Vila de Santa Rita do Pontal, que não foi instalada, já no recenseamento geral de 1920, aparece Santa Rita do Pontal como distrito de Morrinhos Goiás, daí por diante, começa a apresentar condições para a vida política, autonomia administrativa e avanço econômico. Prosseguiram-se então um movimento febril  para a separação incentivado principalmente pela política nacional inovadora de Getúlio Vargas e pelo então  governador de Goiás Pedro Ludovico, o que se dá por força do Decreto Lei n° 329 de 02 de Agosto de 1935, tendo como liderança entre a elite local, o Sr, Onofre Gonçalves de Andrade, pagando de seu próprio bolso as despesas com a implantação do município, este decreto elevou o distrito a categoria de Vila, desmembrando-se de Morrinhos, e sendo solenemente instalada em 1° de Janeiro de 1936.

Pelo decreto-lei Estadual n° 1233, de 31 de Outubro de 1938, o município de Santa Rita do Pontal passou a denominar-se Pontalina. Até a promulgação de nossa constituição Estadual, em 1947, Pontalina era termo da comarca de Morrinhos, da qual se desmembrou por força do artigo 8° do Ato das Disposições Transitórias.

Fontes: IBGE, e

Prof. Antônio Henrique Rosa- UEG.


Dados Gerais

Fundação: 1935
Altitude: 610 m
Área Total: 1.442,8 km²
Dens. Demográfica: 11,66 hab/km²
CEP: 75620-000 

População
Pessoas residentes - 2000: 16.556
Homens residentes - 2000: 8.329
Mulheres residentes - 2000: 8.227

O município de Pontalina está situado na região do vale do Rio Meia Ponte.

Faz fronteira com os seguintes municípios:

* Ao norte: Mairipotaba, Cezarina.
* Ao sul: Aloândia, Joviânia e Vicentinópolis.
* Ao leste: Piracanjuba e Morrinhos.
* Ao oeste: Edealina e Edéia.

Pode se considerar que Pontalina está localizada numa região próxima aos grandes centros consumidores e de fácil acesso ao escoamento da produção.
São vários os acessos à Pontalina, destacando as seguintes rodovias: GO-040, BR-153 com a GO-215, GO-319, estes acessos interligam as cidades da região sul, central e sudoeste do estado.

Principais distâncias do município com outras localidades:

* Goiânia - 125 km
* Anápolis - Porto Seco - 185 km
* Brasília - 340 km

Fonte: Censo IBGE 200 - http://www.ibge.gov.br

Mais nesta categoria: Distâncias »